Há algum tempo os meses receberam cores que representam causas a serem ressaltadas. Como exemplo, nós temos o Outubro Rosa – um do mais conhecidos. Mas hoje iremos falar sobre fevereiro, o mês ainda mais colorido com duas cores em prol de duas causas importantíssimas.

  • O fevereiro roxo – para a conscientização do Lúpus, da Fibromialgia e do mal de Alzheimer
  • O fevereiro laranja – para a conscientização da Leucemia. Doenças distintas, mas que merecem sua atenção nesse mês.

 Fevereiro Roxo

Para quem não sabe, a fibromialgia é umas das doenças reumatológicas mais frequentes, ocorrendo em mais de 3% da população brasileira. Ela é caracterizada pela dor muscular generalizada e acompanhada de outros sintomas. Estudos indicam que a sua principal causa é a alteração nas áreas cerebrais responsáveis pela percepção da dor, podendo se dar devido a predisposição genética.  A conscientização é importante para que a população esteja alerta aos sinais e sintomas da doença, podendo realizar seu diagnóstico precoce e tratamento adequado em caso positivo.

Já o Lúpus, é um distúrbio crônico que faz o sistema imunológico produzir anticorpos em excesso, sem um motivo aparente, fazendo com que eles ataquem o próprio organismo provocando inflamações e lesões em vários órgãos. Por ser uma doença onde não se pode prever o seu curso é extremamente importante a realização de tratamento e acompanhamento com especialista.

O Mal de Alzheimer por sua vez, é uma doença mais conhecida, inclusive falamos sobre ela e seu possível tratamento em um post algumas semanas atrás. Ela é uma doença neurodegenerativa que afeta as capacidades de raciocínio, julgamento e memória a indivíduos, geralmente, com mais de 65 anos.

As doenças representadas pela campanha Fevereiro Roxo são nitidamente distintas, mas possuem em comum o fato de não possuírem cura, porém devem ser tratadas desde seu diagnóstico de modo a evitar grandes complicações. O foco é proporcionar aos portadores de fibromialgia, Lúpus ou Alzheimer o máximo de bem-estar possível, por isso voltamos a bater na tecla da importância de exercícios físicos não só para ajudar em doenças crônicas como também para melhorar seu estilo de vida.

Fevereiro Laranja

Representado pela cor laranja, outra doença que possui sua conscientização em fevereiro, é a Leucemia. Elas são grupos de doenças malignas, popularmente conhecidas como cânceres, que têm origem nas células do sangue. Diferentemente das doenças apresentadas na campanha do fevereiro roxo, a leucemia pode ser curada, garantindo uma boa sobrevida ao paciente. Porém para isso, o diagnóstico precoce é fundamental para uma boa recuperação.

As causas das leucemias são desconhecidas, podendo ter várias vertentes, ainda que alguns estudos associem com tabagismo e obesidade apesar de não haver uma comprovação. Um dos principais objetivos da conscientização, além da busca para um tratamento precoce, é disseminar informações importante e poder despertar nas pessoas o desejo de ajudar, visto que os pilares do tratamento são as transfusões de sangue e medula óssea.

As cores fortes buscam alertar, é importante falarmos sobre essas doenças, ficarmos atentos aos sintomas e ajudar, quando for possível. Uma mensagem muito importante do fevereiro Roxo, mas que poderia servir para qualquer mês e cor é:

Se não houver cura que, no mínimo, haja conforto.